março sem fundo

Ir e vir, sair e voltar, ser e estar é o que faz a segurança ser eficiente…

Em tempos de férias, todos pensam em praia ou campo. Sair e deixar tudo protegido é uma ação de segurança patrimonial muito importante e, para isso, alguns cuidados são necessários. Se você é morador de condomínio, manter atualizado o seu cadastro na administração ou portaria do Condomínio, com telefones de emergência e autorização se algum prestador de serviço ou parente poderá entrar pelo Condomínio.

Nos casos em que os Condomínios possuem portaria remota, esses dados e informações são a base imprescindível para que a tranquilidade de acesso aconteça de forma segura.

Mas, para quem prefere ficar em casa, em São Paulo por exemplo, a cidade fica maravilhosa para se curtir; sem trânsito, muitas opções para conhecer, parques, restaurantes sem filas, enfim, ruas vazias que, nem sempre é sinal de tranquilidade ou segurança.

Os Condomínios, sejam com funcionários próprios ou terceirizados tem se preparado (ou deviam) ao longo do ano, uma vez que segurança se tornou uma preocupação contínua, com investimentos – nem sempre eficientes – em câmeras e equipamentos de monitoramento, porém, as vezes reativo, que servem para apurar como ocorreu a falha. É como assistir um atestado de incompetência.

Há tempos aqui em nosso blog temos nos dedicado a passar a visão de inteligência sobre segurança, pois, não dá para se pensar em fatos e equipamento isolados.

Segurança para ser efetiva e proativa precisa ser pensada como um ciclo integrador de continuidade, que envolva desde a escolha de uma empresa capacitada na prestação de serviços, conhecimento em terceirização, que tenha alvará para realização do serviço, que tenha a visão da importância da aplicação de treinamentos constantes, conferida por supervisores presenciais ou virtuais e equipamentos de monitoramento ligados numa base estratégica e estruturada, com pronta resposta. Tudo isso nós temos!

Mas, também existe um fator fundamental nesse ciclo que são os procedimentos, as rotinas e isso depende muito da participação efetiva dos moradores, não apenas no que tange a entrar no Condomínio, o que exige atenção em não permitir o aproveitamento da abertura dos portões e eclusas para entradas de visitantes e prestadores, avisar quando troca de veículos, manter o cadastro atualizado, acatar ou pelo menos não desrespeitar as orientações dos porteiros, afinal, o apoio do morador aos funcionários, mesmo em outras situações de disciplina e normas internas é imprescindível para que os funcionários se sintam integrantes do processo de segurança do Condomínio.

Mas, existem outros cuidados e dicas que devem ser observados, alguns na chegada ou saída dos Condomínios, afinal, nos importamos com você. Veja essas 10 dicas que preparamos para você. Se desejar converse com seu Síndico, nós temos essas dicas em formato pronto para ser fixada e divulgada no seu condomínio, basta solicitar.

  1. Ao chegar no Condomínio, caso se sinta mais confortável, informe a segurança através de WhatsApp, ligação ou outro meio adotado pelo condomínio, assim ele estará atento a sua chegada e o acesso se dará com maior agilidade
  2. Vai receber visitas? Informe antecipadamente a segurança através do WhatsApp ou aplicativo que o condomínio tenha adotado, compartilhe dados como o nome e documento de identidade do visitante. Assim, o processo de entrada será mais ágil
  3. Chamou o UBER? Aguarde a chegada do lado de dentro do Condomínio. Assim a segurança poderá monitorar sua saída
  4. Caso note alguma ação suspeita ou estranhos ao chegar no condomínio, se possível, dê uma volta no quarteirão para retornar em um momento mais seguro
  5. Ao entrar e sair do condomínio, evite deixar o celular visível
  6. Não compartilhe informações sobre os procedimentos de segurança do Condomínio com desconhecidos e/ou nas redes sociais
  7. Não facilite o acesso de desconhecidos. Caso outra pessoa tente entrar enquanto está ingressando no condomínio, peça para se identificar à portaria
  8. Agilidade na frente do prédio no embarque e desembarque, de taxi ou caronas, faz a diferença.
  9. Ao viajar nunca deixe as chaves na portaria, e avise seu zelador para não deixar jornais ou revistas na sua porta.
  10. Ficou fora por alguns dias feche o registro de agua ou gás de sua unidade, isso pode minimizar seus prejuízos. Fique atento!

Não se esqueça, segurança são procedimentos padrão e contínuos, cuidados que todos precisam se atentar e se atualizar. Por isso, ter uma empresa que pensa constantemente em como protege-lo é imprescindível para que o sair e voltar ao lar e ser e estar seguro é a forma com que aqui na Alpha Secure nos trabalhamos todos os dias.

Levar “serviços e tecnologia para sua segurança”, é para isso que existimos.

Grupo Alpha Secure.

Post tags :

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagem mais comentada

Canal de denúncia: entenda, utilize e nos ajude a melhorar.

O canal de denúncias tem como objetivo de dar voz aos denunciantes, de forma anônima e com segurança ...

Postagens Anteriores